Troy Baker defende The Last of Us Part II: “A melhor versão da história”

Em um recente documentário intitulado “Grounded II: The Making of The Last of Us Part II”, Troy Baker, renomado ator de voz que dá vida a Joel, não hesitou em defender o destino do personagem na sequência do aclamado jogo.

Foto: PlayStation Store

Uma Perspectiva Inabalável

O ator expressou sua firme convicção de que não há nenhum aspecto do jogo que ele mudaria. Em resposta às críticas sobre o destino de Joel, Baker afirmou: “Não há um único aspecto do jogo que eu mudaria. Sempre que alguém vem até mim e diz: ‘Sabe, eu realmente não gostei do que eles fizeram com Joel’, eu digo: ‘Ótimo. Incrível. Conte-me uma versão melhor da história.’ E até hoje eles ainda não conseguem.”

Troy Baker é um talentoso ator de voz, cantor e dublador norte-americano, nascido em 1º de abril de 1976 em Dallas, Texas. Ele é conhecido por sua versatilidade e habilidade em dar vida a uma variedade de personagens em videogames, desenhos animados e animações.

Baker começou sua carreira na indústria de jogos eletrônicos na década de 2000 e rapidamente se destacou como um dos principais dubladores da área. Ele ficou especialmente conhecido por suas performances em papéis icônicos, como Joel em “The Last of Us” e Booker DeWitt em “BioShock Infinite”. Além disso, interpretou personagens em jogos populares como “Uncharted 4: A Thief’s End”, onde deu voz a Samuel Drake.

Além de seu trabalho em videogames, Troy Baker também contribuiu para várias produções de animação e séries de televisão, como “Batman: Arkham Origins” e “Avengers Assemble”. Ele também é um músico talentoso, sendo vocalista da banda “Window to the Abbey”.

A Divisão de Opiniões

Essa postura inabalável contribui para a considerável divisão de opiniões sobre “The Last of Us Part II“. O jogo tem sido objeto de intensos debates devido à ousadia em sua narrativa, que nem todos os fãs aceitaram de maneira positiva.

Leia mais:

Foto: PlayStation Store

“The Last of Us Part II” continua disponível para os usuários de PlayStation 4 e PlayStation 5, mantendo seu status de uma experiência de jogo envolvente e, para alguns, polêmica. A defesa veemente de Troy Baker destaca a complexidade da trama, desafiando os jogadores a apresentarem uma versão alternativa que supere a narrativa original. A discussão em torno do destino de Joel permanece viva, alimentando a paixão e o debate dentro da comunidade de jogadores.

você pode gostar também